Noite Romântica em Itanhaém

A dica cultural de hoje é a Noite Romântica que acontecerá no dia 12 de junho no Satélite Itanhaém.

O jantar acontecerá no restaurante da unidade a partir das 19 horas, com buffet por quilo. No ao vivo, será possível saborear diversos tipos de massas, molhos e acompanhamentos, além disso, teremos filé de frango à parmegiana, filé de alcatra acebolado e tábua de frios individual para pedidos à la carte. Para acompanhar, escolha o vinho que mais agradar em nossa carta de vinhos.

Lembrando que serão seguidos todos os protocolos de segurança, como o uso obrigatório de máscaras, higienização das mãos e utilização de luvas plásticas.

A apresentação musical será de Patrícia Mendes, que toca estilos musicais variados.

Confira o cardápio em nosso site: http://www.satelite.com.br/noticias/vem-por-ai/noite-romantica-em-itanhaem-

Carnaval

Carnaval é a nova comédia brasileira original da Netlix. Uma uma produção da Camisa Listrada em parceria com a Netflix Brasil. Com roteiro de Luisa Mascarenhas, Audemir Leuzinger e Leandro Neri – que também assina a direção do filme.

Na história, a influenciadora digital Nina descobre a traição de seu namorado por um vídeo que viraliza na internet e termina seu relacionamento. Após esse acontecimento, ela decide viajar com mais três amigas para curtir o carnaval de Salvador.

As quatro protagonistas são interpretadas por Giovana Cordeiro, GKay, Samya Pascotto e Bruna Inocêncio. O elenco conta ainda com Flávia Pavanelli, Micael Borges, Jean Pedro, Nikolas Antunes e Rafael Medrado.

Um filme atual, que mostra a importância das amizades verdadeiras, independentemente da popularidade que a pessoa tenha nas redes sociais.

Sangue Revolto – Robert Galbraith

O livro “Sangue Revolto” é um thriller de quase 1.000 páginas e o quinto volume da série de suspense Cormoran Strike. Na época do seu lançamento, chegou ao topo das listas dos mais vendidos no Reino Unido. Sob o pseudônimo Robert Galbraith, J.K. Rowling entra no universo das tramas policiais.

Em uma visita à família, que vive na Cornualha, para ajudar a cuidar da tia doente, o detetive Cormoran Strike recebe uma proposta de uma mulher: investigar o desaparecimento de sua mãe, Margot B, que aconteceu em 1974.

Mesmo surpreso com a proposta, resolve aceitar o trabalho. Ele consulta sua sócia, Robin Hellacott, que está passando por um momento difícil, por conta de seu divórcio problemático. Juntos eles montam um roteiro, organizando visitas às testemunhas que ainda estam vivas, além disso, buscam por documentos da época sobre o caso.

Com o avanço da investigação sobre o desaparecimento de Margot, os detetives percebem uma história intrincada, com pistas curiosas, como cartas de tarô, um serial killer psicopata e testemunhas em quem não se pode confiar.

Nesse triller, os detetives compreendem que mesmo casos acontecidos há anos podem continuar perigosos.

Padoca do Maní

A Padoca do Maní foi imaginada a partir dos gostos e vontades da família Maní-Manioca, uma sociedade entre amigos que gosta de padarias e quitutes de fazenda, reunindo-se em torno da mesa. O clima na Padoca é muito amistoso, no aconchegante deque voltado para a calçada, os clientes se sentem à vontade.

Por conta de seu horário extenso, é possível tomar café da manhã, chá da tarde um almoço rápido ou levar para casa um jantar. Seu brunch é um dos mais conhecidos da capital paulista e uma ótima pedida para o fim de semana.

No cardápio, cuca de uva, pão na chapa, ovos mexidos, bolos da vovó, pão de fermentação natural, iogurte com granola, suco verde. São dezenas de comidas frescas que prometem confortar o coração. Além disso, também há itens de pequenos produtores da cidade e imediações, normalmente orgânicos.

O quê?
Padoca do Maní

Onde?

Joaquim Antunes
Rua Joaquim Antunes, 138 – Jardim Paulistano – São Paulo-SP

Shopping Iguatemi
Avenida Brigadeiro Faria Lima, 2.232 – Jardim Paulistano – São Paulo-SP

Saiba mais: https://manimanioca.com.br/padocadomani/

O Tigre Branco

O filme, disponível na Netflix, é baseado no best-seller do New York Times e conta a história de um aldeão pobre que se torna um empresário de sucesso na Índia.

Com roteiro e direção de Ramin Bahrani, estrelam a produção Adarsh Gourav, Priyanka Chopra Jonas, Rajkummar Rao.

Balram Halwai (Adarsh Gourav) é um jovem ambicioso e perspicaz. Ele trabalha como motorista dos milionários Ashok (Rajkummar Rao) e Pinky (Priyanka Chopra Jonas), que acabam de retornar dos Estados Unidos. A sociedade o treinou para que desempenhasse uma única função: a de servir, assim Balram se tornou indispensável para seus patrões.

Depois de uma traição, ele compreende que essas pessoas não têm limites e farão de tudo para proteger seus interesses. Sabendo que pode perder tudo, Balram se revolta contra o sistema desigual e fraudulento e resolve ir em busca de sua independência.

“Os quatro compromissos: O livro da filosofia Tolteca” – Don Miguel Ruiz

No livro, Don Miguel Ruiz revela de onde vêm as crenças autolimitantes que tiram a alegria e trazem sofrimentos. As ideias apresentadas são baseadas na sabedoria ancestral tolteca e explicam de forma clara como as pessoas são influenciadas e transformadas para se adequar aos padrões impostos pela sociedade.

Don Miguel Ruiz afirma que todas as crianças nascem amorosas, divertidas e genuínas. Porém, na convivência com os pais, são ensinados certos comportamentos para que recebam amor e não sejam criticados. Esses padrões acabam sendo absorvidos. As crianças são doutrinadas pelos adultos e não questionam o que estão aprendendo, se seus pais me dizem algo, as crianças acreditam neles.

Para ser livre, é preciso tomar consciência dos pensamentos irracionais e limitadores, substituindo-os por pensamentos saudáveis. Quando a pessoa amadurece, começa a questionar falsas ideias que foram ditadas como certas, dessa forma, torna-se mais saudável.

Com os quatro compromissos – seja impecável com sua palavra; não leve nada para o lado pessoal; não tire conclusões e dê sempre o melhor de si, o livro oferece um código de conduta que pode transformar a vida de qualquer um, trazendo liberdade, felicidade e amor.

Verão 2021 no Satélite Itanhaém

O verão no Satélite Itanhaém é sempre inesquecível. Acorda-se cedo para aproveitar os dias ensolarados, toma-se o delicioso café da manhã no restaurante, com café, leite, suco de laranja, pães e bolos diversos, frutas, tudo preparado com muito capricho para os hóspedes.

Após o café da manhã, é hora de aproveitar a praia ou a piscina. Há materiais de praia para empréstimo, como cadeiras e guada-sóis, também é oferecido serviço de praia durante a temporada e em feriados, quando é possível realizar pedidos de bebidas e porções na faixa de areia. Na piscina, estão disponíveis guarda-sóis, mesas, cadeiras e espreguiçadeiras; e um salva-vidas fica a postos na piscina durante todo o período de funcionamento.

No registro de hoje, mostramos a piscina num típico dia de verão: sol brilhando, céu azul e praticamente sem nuvens. Ótimo clima para a equipe de recreação animar as crianças com brincadeiras na água.

Festival rec.tyty

O Festival rec.tyty é uma iniciativa do Instituto Maracá e o objetivo é ecoar as vozes dos povos indígenas para todo o Brasil e também fora dele.

Um evento virtual que apresenta trabalhos visuais, sonoros, cinematográficos e fotográficos de 39 artistas. É possível visitar a galeria virtual de 17 de abril a 30 de maio. No espaço, os povos contam as próprias histórias, mantendo suas tradições.

A curadoria envolveu nomes de peso, como o ambientalista e filósofo Ailton Krenak, o cineasta Carlos Papá, a filósofa Cristine Takuá, a doutora em educação Naine Terena e a antropóloga e coordenadora-adjunta do MASP Sandra Benites.

A criação do nome do festival é de Carlos Papá, ele utilizou a sigla “rec”, que remete a gravação, registro, enquanto a palavra guarani “tyty”, que sê escuta como tâ-tâ, cria um paralelo com os batimentos cardíacos, assim, temos uma metáfora para a emoção e para o afeto.

Com o tour virtual, os visitantes conhecerão mais sobre a cultura e a arte indígena.

O quê?
Festival rec.tyty

Onde?
No site https://rectyty.com.br/

Quando?
De 17 de abril a 30 de maio

A mulher na janela

Baseado em best-seller, A mulher na janela é um novo filme original da Netflix que já figura a lista dos mais assistidos no Brasil.

A história gira em torno de Anna Fox (Amy Adams), uma psicóloga especializada em crianças que vive confinada em casa, pois tem agorafobia. Anna acompanha a rotina da vizinhança pela janela de sua casa e quando novos vizinhos mudam para a casa na frente da sua, ela fica obcecada por eles e procura entender o crime que viu pela janela.

Dirigido por Joe Wright, estrelam o longa Amy Adams, Gary Oldman, Anthony Mackie, Fred Hechinger, Wyatt Russell, Brian Tyree Henry, Jennifer Jason Leigh, Jeanine Serralles, Mariah Bozeman e Julianne Moore.

Esse é um ótimo filme para quem gosta de suspense psicológico, com confusões e cheio de reviravoltas.

Mentirosos – E. Lockhart

Uma família aparentemente perfeita, os Sinclair são ricos e conhecidos. Porém, os membros da família não admitem seu declínio, tentando manter as aparências.

Todos os anos, o patriarca, suas três filhas e seus três netos saem de férias para aproveitar o verão em sua ilha particular. Amigos inseparáveis desde a infância, Cadence, a neta primogênita – e principal herdeira dos Sinclair, seus primos Johnny e Mirren e também o amigo Gat fazem parte do grupo Mentirosos.

Aos quinze anos, as férias de verão são interrompidas para Cadence quando ela sofre um acidente estranho. Os dois anos seguintes são bem difíceis, a garota sofre de amnésia, depressão, dores de cabeça muito fortes, por isso acaba precisando tomar analgésicos.

A família a trata com bastante cuidado, porém não conta os detalhes sobre o que aconteceu na ilha. Cadence finalmente volta ao local para juntar as peças desse quebra-cabeças e entender o que se passou.

“Emocionante, bonito e devastadoramente inteligente, Mentirosos é absolutamente inesquecível.” – John Green, autor de A culpa é das estrelas