Um Sonho de Liberdade

Em 1995, o filme Um Sonho de Liberdade foi lançado, com a estreia do diretor Frank Darabont. A obra conta com Tim Robbins, Morgan Freeman e Bob Gunton como parte de seu elenco. A produção cinematográfica foi baseada no livro escrito pelo renomado autor Stephen King.

A história se passa em 1946. Andy Dufresne é um jovem banqueiro bem sucedido que tem sua vida totalmente mudada quando é condenado pelo assassinato de sua esposa e do amante dele. Assim, ele é encaminhado para a Penitenciária Estadual de Shawshank, no Maine, para cumprir prisão perpétua. Lá, ele é apresentado a Warden Norton, um agente penitenciário corrupto e cruel que usa a bíblia como arma de controle, o capitão Byron Hadley, que trata os internos como animais e o interno Ellis Boyd Redding, que cumpre pena há 20 anos e controla o mercado negro do local.

O sucesso foi tanto que o filme foi indicado ao Oscar em sete categorias, dentre elas Melhor Filme, Melhor Ator para Morgan Freeman e Melhor Roteiro Adaptado. Foi indicado também ao Globo de Ouro nas categorias Melhor Ator de drama para Morgan Freeman e Melhor Roteiro.

Anúncios

Até o Último Homem

Muito se tem falado sobre o filme Até o Último Homem. Com direção de Mel Gibson e participação dos atores Andrew Garfield, Vince Vaugh e Teresa Palmer, o filme australiano recebeu seis indicações ao Oscar, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Ator, para Andrew Garfield.

O filme, baseado em fatos reais, traz a história de Desmond T. Doss, o médico do exército que foi designado para trabalhar na Segunda Guerra Mundial. Dessa maneira, ele prometeu que durante todos esse período, não pegaria em uma arma. Ao longo da Batalha de Okinawa, ele trabalha na ala médica e assim salva 75 vidas, sendo assim recompensado. Isso o tornou o primeiro Opositor Consciente da História norte-americana a receber a medalha de Honra do Congresso.

Para muitos críticos, este foi um retorno triunfal do diretor e ex-ator Mel Gibson. Vale a pena conferir e tirar suas próprias conclusões!

A Dama de Ferro

Em 1979, Margareth Thatcher foi a primeira mulher a assumir o cargo de Primeira-ministra da Grã-Bretanha. Quando ela assumiu, o país passava por uma crise econômica, com elevadas taxas de desemprego e de inflação. E para piorar de vez a situação, o Reino Unido entrou em conflito com a Argentina, o que gerou a Guerra das Malvinas.

No filme, toda a trajetória da ex-primeira ministra, que ficou conhecida como A Dama de Ferro, é contada. Todos os altos e baixos vividos por ela, que teve que provar ser muito capaz de tomar decisões em um mundo, até então, dominado por homens. A dama de ferro é interpretada pela renomada atriz Meryl Streep.

A obra foi indicada ao Oscar em 2012 nas categorias de melhor atriz para a Meryl Streep e de melhor maquiagem e ganhou o Globo de Ouro na categoria de melhor atriz, também para Meryl Streep.

A Teoria de Tudo

O filme A Teoria de Tudo foi lançado em 2014 e logo de cara fez muito sucesso. O reconhecimento foi tanto que o ator Eddie Redwayne levou o Oscar e o Globo de Ouro de melhor ator principal, além das indicações ao Oscar de melhor filme, melhor atriz para Felicity Jones, melhor roteiro adaptado e melhor trilha sonora.

A obra conta a história de vida do gênio britânico da física Stephen Hawking (Redwayne), suas descobertas incríveis, seu relacionamento com Jane Wide (Felicity Jones) e o momento da descoberta de sua doença degenerativa aos 21 anos.

O verdadeiro Stephen Hawking elogiou muito a atuação de Eddie Redwayne no filme. Segundo Hawking, em algumas cenas, ele sentia que estava “se vendo”. Além disso, nas cenas finais, o físico emprestou sua voz para parecerem mais reais.

Spotlight – Segredos Revelados

No último domingo, o filme Spotlight – Segredos Revelados levou o Oscar na categoria de melhor filme. A obra é baseada em um caso real, acontecido em 2000, com jornalistas do Boston Globe. O caso retratado no filme ganhou o prêmio Pulitzer, principal prêmio do jornalismo, da literatura e da composição musical.

O drama mostrou a história de um grupo de jornalistas do Boston Globe que em 2000 investigou vários casos de abusos de crianças por parte de padres católicos e conseguiu prová-los por meio de documentos. Em vez de puni-los, a igreja encobertava os casos e transferia os padres de suas regiões.

Para interpretar melhor, atores como Michael Keaton, Rachel McAdams e Mark Ruffalo estudaram, conversaram e investigaram a vida dos jornalistas do caso.

Vale a pena conferir:

O Rei Leão

lionO filme O Rei Leão é um dos desenhos mais famosos da Disney. Lançado em 1994, emocionou e encantou crianças e adultos. Seu sucesso foi tanto, que levou o Globo de Ouro de melhor filme e duas estatuetas do Oscar.

A história se passa na savana africana, a qual o Leão Mufasa é o rei e quer apresentar a todos os animais o seu filho Simba, que o substituirá futuramente. Mas Scar, irmão invejoso de Mufasa, quer de qualquer jeito herdar o trono e para isso ele prepara ciladas que acabam afastando o leãozinho de sua família e do ambiente onde vive.

As músicas do filme se tornaram bem conhecidas. Como repercussão do sucesso, levou o Oscar de Melhor Trilha Sonora. “Circle tumblr_ll4d26s93l1qjwu9mo1_500of life”, em português Ciclo da vida; “Hakuna Matata”, dos personagens Timão e Pumba, ambas indicadas ao Oscar; e “I just can´t wait to be a king”, em português “O que eu mais quero é ser rei”, são as mais conhecidas. Outra que fez muitos casais suspirarem foi a música “Can you feel the love tonight”, de ninguém menos que Elton John, música deu a segunda estatueta ao filme, desta vez de Melhor Canção Original.

Cidade de Deus (2002)

O filme Cidade de Deus foi dirigido pelo reconhecido diretor brasileiro Fernando Meirelles e adaptado para o cinema por Bráulio Mantovani, a partir do livro com o mesmo nome. O filme leva o nome de uma favela no Rio de Janeiro e grande parte do elenco é composto por moradores do local.

A trama conta a história do jovem Buscapé (Alexandre Rodrigues), que cresce cercado por muita violência na favela Cidade de Deus, conhecida como um dos lugares mais perigosos da região. Como uma possibilidade para fugir do crime, Buscapé acaba se envolvendo com fotografia e então descobre seu talento, ganhando notoriedade quando o chefe do tráfico na favela, Zé pequeno, pede para o garoto tirar fotos suas e essas fotos, sem seu consentimento, vão parar em um jornal. Desde então, Buscapé acredita que Zé quer matá-lo e vive fugindo.

Meirelles foi indicado ao Oscar como melhor diretor, assim como o filme foi indicado nas categorias de melhor roteiro adaptado, melhor fotografia e melhor edição. Cidade de Deus foi reconhecido e elogiado em diversos jornais americanos. Em 2008, foi escolhido pela revista Empire como o 177o melhor filme de todos os tempos e em 2010 o jornal britânico The Guardian considerou o longa brasileiro como o sexto melhor filme de ação já produzido.