Bloquinhos de carnaval pelo país

É fã da folia? O carnaval tá chegando com diversas opções para você se divertir!

Para quem gosta do agito do carnaval, diversas cidades pelo Brasil já começaram o esquenta e oferecem diversas apresentações que começam agora em janeiro e vão até depois da quarta feira de cinzas. A moda dos bloquinhos de rua ainda é tendência nas grandes capitais e cidades do interior, e oferecem diversas opções para todo o período da folia.

No Rio de Janeiro, o palco do Réveillon na praia de Copacabana será aproveitado para o carnaval de rua. Os blocos já estão na rua desde o dia 12/1, abertura oficial da contagem de 50 dias para o carnaval. Mais de 500 blocos irão balançar a cidade do Rio até o dia 31/3.

Em São Paulo, são esperados 865 blocos em 960 desfiles, a data de início será em 15/2, com encerramento em 1/3. Na capital paulista, alguns blocos se apresentarão com músicas tradicionais, marchinhas, carimbó, toadas, rancho, samba reggae e afro percussão.

O calendário oficial da cidade de Salvador/BA ainda não foi divulgado, mas é uma das festas mais esperadas não só pelos baianos, mas por todos os amantes do carnaval. A empresa organizadora estima receber mais de 1,5 milhão de visitantes durante o feriadão de carnaval. O ponto alto da festa por lá é o bloco da pipoca, em que as atrações são gratuitas e não exigem a compra de abadás.

Outro destino imperdível para a folia é a cidade de Recife/PE. As principais atrações ficam por conta do Galo da Madrugada, agito que dura todo o sábado de carnaval com diversas atrações nacionais e regionais, que garantem a continuidade da tradição do frevo. Há ainda o tradicional carnaval de Olinda, com desfile dos famosos bonecos gigantes que inovam nos desfiles com personalidades e personagens famosos. A folia ainda conta com os blocos na região do Recife antigo, parte histórica central da cidade, além dos festejos com frevo e maracatu.

Há opções por todo o Brasil para todos os gostos e bolsos. Todas as regiões oferecem atividades culturais, cheias de tradição, sem perder a alegria. Escolha o seu bloco e se divirta!

Essa gente – Chico Buarque

Primeiro livro de Chico Buarque após o prêmio Camões, “Essa gente” é um retrato tragicômico, pioneiro em tratar do momento vivido pelos brasileiros.

Há algumas similaridades entre Chico Buarque e o protagonista desse romance, Manuel Duarte. Além dos sobrenomes terem um perfil vocálico idêntico, também gostam de caminhar pelas ruas do Leblon, bairro carioca. Porém, o leitor logo percebe que isso não o leva a lugar algum.

Duarte é autor de um romance histórico, best-seller na década de 1990, porém encontra-se em decadência, precisando enfrentar uma crise criativa, financeira e emocional morando no Rio de Janeiro, que entra em colapso, num cenário em que as questões sociais da cidade estão em destaque.

Uma marca da ficção de Chico Buarque, a reflexão sobre a linguagem agora vem como um ágil apontamento, ferramenta que ajuda a memória a entender o presente tumultuado. Em seu melhor estilo, em uma estrutura de diário, o autor mistura vida, imaginação, sonho e delírio. Com uma narrativa habilidosa, as contradições do país despedaçado são notadas nas entrelinhas.

“A imaginação literária de Chico Buarque é bela e peculiar. Ler sua ficção é sempre um prazer.” ― Salman Rushdie

“Com aparente simplicidade, Chico Buarque faz uma enternecedora, ainda que ligeiramente cômica, elegia à solidão, à mágoa, aos mal-entendidos eróticos (e literários) e à nostalgia de todas as coisas não ditas.” ― Lila Azam Zanganeh

Enfim, sós! Para onde viajar na lua de mel?

Depois de muita correria, preparativos do casamento, detalhes da festa, vestido de noiva, presentes, listas, ufa! Finalmente os novos pombinhos podem curtir um momento a dois e unir essa experiência a um roteiro superespecial e romântico. A dica de hoje foi pensada para os casais apaixonados que estão planejando a viagem dos sonhos ao lado de quem se ama.

Muitos casais gostam do clima de friozinho e procuram destinos com essa característica para curtir a paixão. Um clássico das viagens com clima mais ameno é Buenos Aires, capital da Argentina. As ruas são cheias de casais apaixonados e não faltam ótimos restaurantes, bares e casas de shows. A dica é não deixar de conhecer os jantares dançantes de Buenos Aires, para os casais animadinhos que curtem o friozinho com música boa, muito tango e vinhos de qualidade vão amar esse passeio. Na região da Casa Rosada, há muitos hotéis charmosos e cheios de encanto para receber os recém-casados. O melhor período para visitas a Buenos Aires é entre maio e agosto.

Para os casais aventureiros, uma das opções é conhecer a cidade de Bonito, no Mato Grosso do Sul. O próprio nome já indica que o lugar é espetacular, com muita natureza, rios, lagos, cachoeiras e grutas belíssimas e de água cristalina, além da riqueza da fauna e flora da região. Esse roteiro será marcado por lindos pontos de mergulho e cavernas de beleza exuberante. A dica é não deixar de conhecer a Gruta do Lago Azul, o que garantirá lindas e doces recordações no álbum de lua de mel do casal. Para aproveitar melhor os pontos de mergulho e conhecer mais de perto as águas cristalinas da cidade, o melhor período para visitação é entre maio e setembro.

Para casais que curtem uma preguicinha à beira-mar, o nordeste brasileiro oferece inúmeros destinos para os casais apaixonados se encantarem pelas belezas do mar azul e do sol por quase todo o ano. A dica é se organizar para conhecer Fernando de Noronha, em Pernambuco. A ilha é famosa por oferecer o conjunto de praias mais lindos do Brasil. Além de toda a beleza exuberante do lugar, os apaixonados de plantão podem praticar mergulho no mar cristalino da ilha e acompanhar de perto belezas marinhas como golfinhos e tartarugas. Um passeio por lá fica um pouco mais caro do que os roteiros mais tradicionais, mas cada centavo valerá o investimento! O melhor período para visitação em Fernando de Noronha é entre agosto e fevereiro, período mais seco do ano.

Curta o melhor da vida e viaje com pessoas que te façam bem e despertem em você o melhor que pode ser!

O Sol na Cabeça

A Dica de Literatura de hoje é o livro O Sol na Cabeça, do autor brasileiro Geovani Martins. A obra é um verdadeiro fenômeno e já foi vendido para 8 países. Por meio de uma linguagem bem informal, Geovani consegue fazer o leitor sentir que está nas ruas do Rio de Janeiro!

O Sol na Cabeça reúne vários contos que retratam a realidade e a rotina dos morros da cidade maravilhosa. O autor não tem medo de tocar em alguns assuntos que muitas vezes são vistos como tabus na nossa sociedade, como violência policial, intolerância religiosa, tráfico de drogas, morte, entre outros. Para muitos, essa realidade é muito distante, mas no livro o autor traz personagens que diminuem essa distância.

Geovani tem 27 anos, nasceu em Bangu, no Rio de Janeiro e já morou nas favelas da Rocinha e Barreira do Vasco. Atualmente, mora no Vidigal. Estudou apenas até a oitava série e já trabalhou como homem-placa e atendente de lanchonete. Uma verdadeira história de superação!

Visite Curitiba, a cidade modelo do Brasil!

Moderna e linda, Curitiba é referência arquitetônica e de mobilidade para todo o país e oferece paisagens deslumbrantes para turistas de todos os gostos, além de lindos parques, passeios incríveis e belíssimos espaços para descanso, agito e conhecimento.

Hoje, conheceremos um pouco mais sobre a capital do estado do Paraná e os roteiros mais legais para curtir dias inesquecíveis no sul do Brasil!

Uma das construções mais belas de Curitiba é a Ópera de Arame, estrutura construída no centro do Parque das Pedreiras, chama atenção dos visitantes por ser feita totalmente em vidro e metal, onde pode-se sentir um friozinho na barriga ao atravessar a grande passarela suspensa sobre as águas, observar as belíssimas carpas e se sentir abraçado pela natureza exuberante do lugar. A Ópera de Arame é um teatro que recebe ao longo do ano diversas atrações culturais e shows musicais, mas pode ser visitada de terça a domingo, das 08h as 18h, com certeza vale muito a pena dar uma passada por lá!

Outro lindo espaço de lazer em Curitiba é o Parque Tanguá, localizado as margens do rio Barigui, oferece atividades diversas para serem feitas dentro do parque, como observação da natureza, vários jardins, áreas para piquenique, espelhos d’água e muito espaço para a criançada. Oferece ainda um dos melhores pontos de observação do pôr do sol curitibano. O parque é aberto todos os dias da semana, das 09h as 21h.

Um dos parques mais lindos do Brasil, o Jardim Botânico é um daqueles lugares que se precisa conhecer pelo menos uma vez na vida, a sensação de ver com os próprios olhos todo o espaço é indescritível. O jardim das sensações, uma das atividades que podem ser feitas no parque, permite que o visitante conheça as plantas e flores por outra perspectiva, alguns pontos do roteiro são feitos com os olhos vendados, para que o visitante “veja” as flores com as mãos, sinta a terra com os pés, sentir a brisa do vento no rosto e o cheiro da natureza de maneira totalmente inesperada. O parque funciona todos os dias, das 06h as 19:30h no inverno e no verão, das 06h as 20h.

Curitiba oferece ainda 26 parques e bosques, 8 memoriais, 24 museus e uma torre panorâmica com visão de 360º da cidade.

Venha conhecer e se apaixonar por Curitiba!

Visite Curitiba, a cidade modelo do Brasil!

Moderna e linda, Curitiba é referência arquitetônica e de mobilidade para todo o país e oferece paisagens deslumbrantes para turistas de todos os gostos, além de lindos parques, passeios incríveis e belíssimos espaços para descanso, agito e conhecimento.

Hoje, conheceremos um pouco mais sobre a capital do estado do Paraná e os roteiros mais legais para curtir dias inesquecíveis no sul do Brasil!

Uma das construções mais belas de Curitiba é a Ópera de Arame, estrutura construída no centro do Parque das Pedreiras, chama atenção dos visitantes por ser feita totalmente em vidro e metal, onde pode-se sentir um friozinho na barriga ao atravessar a grande passarela suspensa sobre as águas, observar as belíssimas carpas e se sentir abraçado pela natureza exuberante do lugar. A Ópera de Arame é um teatro que recebe ao longo do ano diversas atrações culturais e shows musicais, mas pode ser visitada de terça a domingo, das 08h as 18h, com certeza vale muito a pena dar uma passada por lá!

Outro lindo espaço de lazer em Curitiba é o Parque Tanguá, localizado as margens do rio Barigui, oferece atividades diversas para serem feitas dentro do parque, como observação da natureza, vários jardins, áreas para piquenique, espelhos d’água e muito espaço para a criançada. Oferece ainda um dos melhores pontos de observação do pôr do sol curitibano. O parque é aberto todos os dias da semana, das 09h as 21h.

Um dos parques mais lindos do Brasil, o Jardim Botânico é um daqueles lugares que se precisa conhecer pelo menos uma vez na vida, a sensação de ver com os próprios olhos todo o espaço é indescritível. O jardim das sensações, uma das atividades que podem ser feitas no parque, permite que o visitante conheça as plantas e flores por outra perspectiva, alguns pontos do roteiro são feitos com os olhos vendados, para que o visitante “veja” as flores com as mãos, sinta a terra com os pés, sentir a brisa do vento no rosto e o cheiro da natureza de maneira totalmente inesperada. O parque funciona todos os dias, das 06h as 19:30h no inverno e no verão, das 06h as 20h.

Curitiba oferece ainda 26 parques e bosques, 8 memoriais, 24 museus e uma torre panorâmica com visão de 360º da cidade.

Venha conhecer e se apaixonar por Curitiba!

Roteiro da Fé: conheça mais sobre os caminhos que levam à Aparecida, cidade da padroeira do Brasil

O Brasil é realmente um país cheio de encantos! Lindas paisagens e destinos cheios de natureza e clima tropical, mas oferece também conhecimento cultural e lindas histórias de fé e religiosidade. A dica de viagem de hoje é Aparecida, o maior centro de peregrinação religiosa da América Latina.

A história da cidade está ligada ao encontro da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, no rio Paraíba do Sul por pescadores há cerca de 300 anos. O dia de comemoração deste importante marco para os fiéis e para a igreja Católica se aproxima, em 12 de outubro é feriado nacional e muitos religiosos aproveitam esta data para visitar a cidade, pagar promessas e fazer suas orações, mas muitas pessoas aproveitam o feriado para juntar a família e viajar.

A catedral Nacional de Aparecida é antes de tudo uma grande construção de características arquitetônicas impressionantes, que chama a atenção de todas as pessoas que passam por ali, afinal de contas essa é a segunda maior basílica mariano do mundo, perde apenas para a Igreja Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Em cada pedacinho da cidade de Aparecida oferece um espaço ligado a fé e as características da religião católica, mas não é só isso, na cidade pode-se passear de teleférico, que liga a parte mais baixa da cidade a parte alta, onde fica a antiga basílica de Aparecida, construída em 1745 em estilo barroco.

Muitas pessoas costumam chegar até a cidade por meio do Caminho da Fé, peregrinação de 497 km cruzando parte da Serra da Mantiqueira, passando por 39 cidades, ligando Águas da Prata/SP a Aparecida/SP, utilizando meios de transportes variados, desde cavalos, bicicletas ou mesmo a pé, há alguns sites que ajudam na elaboração do roteiro.

Para quem deseja ir no mês de outubro, recomenda-se bastante planejamento e o mais antecipado possível, visto que muitos peregrinos visitam a cidade neste mês, devido as comemorações de 12 de outubro. Hotéis e pousadas podem ser encontrados com facilidade por toda a cidade, para todos os gostos e bolsos.

Indiferente de religiões ou crenças, visitar a cidade de Aparecida é uma experiência indescritível e vale a pena dar uma passada por lá!