Eleanor & Park

A nossa Dica Literária é a obra Eleanor & Park, livro de Rainbow Rowell, que já conquistou não só adolescentes e jovens, mas também grandes autores como John Green, responsável pelo sucesso “A Culpa é das Estrelas”, que em sua resenha para o “The New York Times Book Review” escreveu: “Eleanor & Park me lembrou não apenas de como é ser jovem e estar apaixonado por uma garota, mas também de como é ser jovem e estar apaixonado por um livro”.

Bem diferente do romance jovem que estamos acostumados, a obra traz a história de um casal que para muitos é improvável, pois os envolvidos não têm nada em comum. Eleanor é uma garota ruiva, considerada gorda e estranha por todos. Park é um garoto mestiço asiático que faz a linha nerd. Os dois têm 16 anos e vivem aventuras típicas de adolescentes, como conflito com os pais, bullying e descobertas. Eles se conhecem no primeiro dia de aula e a convivência passa a se tornar um hábito. O que começa na amizade, com trocas de referências musicais e de leituras, logo evolui para um romance.

O livro faz o leitor retornar aos sentimentos do primeiro amor. O nervoso, o frio na barriga, a vontade de sempre estar perto e o pensamento 24h na pessoa. Em 2014, a Dreamworks adquiriu os direitos do livro. A autora já tem trabalho no roteiro, porém ainda não há data definida para o lançamento. Aguardamos ansiosamente!

Anúncios

Tartarugas Até lá Embaixo

O autor de “A Culpa é das Estrelas”, John Green, retorna depois de 6 anos e milhões de livros vendidos, com mais um sucesso: o livro Tartarugas Até lá Embaixo. E mais uma vez, o autor mostra porque chegou para ficar. Com sua leitura fácil, que flui, a obra tem todos os requisitos de um sucesso.

Na história, Aza é uma garota de 16 anos que tem problemas de transtorno obsessivo-compulsivo e que vive diariamente uma luta para não ser consumida por seus pensamentos. Porém, os pensamentos tóxicos vivem tomando conta da garota. Há também o personagem o Davis, um garoto que está oferecendo uma recompensa para quem encontrar seu pai, que está desaparecido. Aza e sua melhor amiga decidem ir atrás do homem e é assim que os caminhos da garota e de Davis se cruzam.

Green também tem TOC. Por isso, ele consegue descrever com tanta exatidão as sensações e as situações da personagem, a ponto do leitor também conseguir senti-lás. Prepare-se para uma leitura encantadora!