Amor Líquido – sobre a fragilidade dos laços humanos

Enquanto vive, o amor paira à beira do malogro. Dissolve seu passado à medida que prossegue. Não deixa trincheiras onde possa buscar abrigo em caso de emergência. E não sabe o que está pela frente e o que o futuro pode trazer. Nunca terá confiança suficiente para dispersar as nuvens e abafar a ansiedade. O amor é uma hipoteca baseada num futuro incerto e inescrutável”

O livro trata das relações frias, não só no amor, mas também em outros aspectos vividos pela sociedade nos dias atuais. Vivemos em um mundo onde as informações chegam em questão de segundos e, na maioria das vezes, são intermediadas pela tecnologia. Com os relacionamentos, sejam eles de amizade, de amor ou de trabalho, as pessoas têm esperado o mesmo; imediatistas e intermediadas pela tecnologia.

O autor utiliza muito o exemplo das relações virtuais. Elas tendem a separar os próximos e aproximar os distantes. E caso não dê certo, é simples, basta clicar o botão de deletar.

Amor Líquido é de autoria do sociólogo polaco Zigmunt Baumam. O autor, de 90 anos, trata de assuntos como insegurança, flexibilidade nas relações e a conexão sem vínculos profundos cada vez mais comuns na sociedade e propõe ao leitor refletir sobre suas relações pessoais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s