Viagem ao centro da Terra

Contemplei as maravilhas em silêncio. Não tinha palavras para expressar minhas sensações. Era como se estivesse em algum planeta distante, Urano ou Netuno, diante de fenômenos misteriosos aos olhos de um terráqueo. Eu olhava, pensava, e admirava com um espanto misturado a certa dose de terror”.

O livro Viagem ao Centro da Terra, do autor francês Júlio Verne, marcou gerações e serviu de inspiração para pesquisas e outras obras. Pela riqueza de detalhes e suas descrições, é plausível que o leitor realmente acredite que exista um “Centro da Terra”.

A obra conta a história do cientista e professor Lidenbrock, conhecido por ser brilhante no que faz, mas arrogante, e de seu sobrinho Axel. O cientista é encantado por livros e certo dia ele chega em casa com um livro em islandês. Dentro do livro ele encontra uma carta que contém um enigma. Então, Lidenbrock fica obcecado em desvendá-lo. A carta leva a dupla até a entrada do Centro da Terra e eles decidem embarcar nessa viagem.

Júlio Verne é considerado o pai da ficção científica pela veracidade que os seus livros possuem. Além de “Viagem ao Centro da Terra”, o autor escreveu “Viagem ao redor da lua”, “Vinte mil léguas submarinas”, “A volta ao mundo em 80 dias”, “A ilha misteriosa”, entre outros.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s